Quarta-feira, 31 de Março de 2010

Existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis." (Fernando Pessoa)

É aqui que se enquadra a pessoa a quem dedico esta minha intervenção, num blog que não é o meu, e que na sua mensagem inicial diz: ” porto de abrigo de afectos onde ninguém aprisiona os sonhos e não guarda para si até onde quer ir. É uma aldeia global onde todos se conhecem e querem estar juntos. Os olhares tocam todos os dias o Universo”.

Não sou aluna da Universidade Sénior da Curia , “ ainda não tenho idade “, ou melhor tempo. Sim tempo, porque eu trabalho,  e por tal facto não posso dispor dele como gostaria. Mas este facto não foi obstáculo para em algumas pessoas “especiais” que a frequentam, encontrar bons amigos. Amigos, como diz o poeta não são só os antigos, que esses temos que preservar, mas todas as pessoas que vão surgindo nas nossas vidas, sem as procurarmos, e que nos dão algo que precisamos sem sequer o pedirmos, que é aquele apoio que precisamos quando as nossas vidas parecem querer andar para trás como “ as tartarugas”, diz o ditado. A todos eles quero agradecer.

Há neste espaço de cultura/convívio gente de todas as origens quer económicas, quer culturais, com os mais diversos interesses e com os mais diversos saberes.

Não sou pessoa de fazer amizade com facilidade, mas quando surge é de verdade, e do primeiro contacto com a pessoa a quem dedico esta simples homenagem, resultou um misto de admiração e simpatia  pela maneira como acolhe todas as pessoas, independentemente da idade, da origem social e cultural,  e todo o cuidado e preocupação que demonstra em todas as actividades que promove, relativamente às pessoas que nelas participam.

 Penso que é sobretudo a confiança que todos depositam nele, que contribui para o sucesso dessas actividades. Como é engraçado o modo como ele diz frequentemente ”cuidado com os carros”, “cheguem-se para o passeio”, “vá,  vamos lá deitar que amanhã temos que levantar cedo”, tudo isto, como se todos fossemos crianças à sua responsabilidade,  e de quem tivesse que prestar contas no final destas “aventuras”.

Mas não é só o convívio que ele nos proporciona, é também a cultura, que procura sempre englobar no “pacote” de surpresa das suas viagens.

Claro que já todos sabem a quem me estou a referir. É o professor Alexandre ,a quem quero deixar um grande beijo e desejar uma Boa Páscoa, não  me esquecendo da sua “mais que tudo “,  a Drª Anabela, que com a sua descrição quase não se dá conta da sua presença, mas quando não está sente-se a sua falta. Sempre que lhe perguntamos:” Então a Anabela, não veio? Ele responde: está a corrigir testes”…

                                                                                                                                                   

Para o Professor Alexandre Um Grande Beijo

           

Conceição Bandeira

 

30 de Março de 2010

publicado por uscuria às 12:53
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. Universidade Sénior da Cu...

. Atividades | Mês de Setem...

. Poema ao Vinho

. Existem momentos inesquec...

.arquivos

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2010

. Março 2010

blogs SAPO

.subscrever feeds